subscrever o vídeo do dia aeiou:
subscrição efectuada.
  • Tarzan com Ron Ely

    teste
    FAVORITO
    3.00/5
    Partilha no teu site ou blog:

    Ele foi o 15º ator (alguns o consideram o 16º) a interpretar o personagem Tarzan, criado por Edgar Rice Burroughs. Foi na série “Tarzan”, produzida entre 1966 e 1968, com um total de 57 episódios, pela rede NBC.

    Dizem que o ator não foi a primeira escolha para o papel. Tendo feito dois filmes para o cinema, Mike Henry seria o astro de “Tarzan” na TV, mas diferenças criativas entre ele e o produtor Sy Weintraub o teriam afastado do projeto. Com pouca experiência profissional, Ron Ely foi chamado para estrelar a série, que teve seus primeiros cinco episódios filmados no Brasil. Mas as dificuldades climáticas acabaram levando a produção para o México.

    Sem ter treino como dublê, Ron insistiu em fazer suas próprias cenas de ação, o que o levou a sofrer dezenas de ferimentos ao longo da produção. Segundo o livro “Kings of the Jungle”, de David Fury, alguns desses momentos foram filmados e utilizados na série, a exemplo de uma cena em que ele quebra o ombro quando cai de um barranco.

    No elenco fixo também estava Manuel Padilla Jr., que já tinha feito participações nos dois filmes estrelados por Mike Henry. Na série, ele interpretou o órfão Jai, adotado por Tarzan. O ator faleceu em 2008.

    A série com Ely foi a primeira estrelada pelo personagem na TV. Depois vieram: a série animada da Filmation, entre 1976 e 1980; “Tarzan”, de 1991 a 1996, com Wolf Larson; “As Aventuras Épicas de Tarzan”, de 1996 a 1997, com Joe Lara; “A Lenda de Tarzan”, série animada da Disney produzida entre 2001 e 2003; e “Tarzan”, com Traviz Fimmel, em 2003, que leva o personagem para Nova Iorque. Esta última foi cancelada com apenas oito episódios.
    O nome verdadeiro de Ron é Ronald Pierce Ely. Ele nasceu no dia 21 de junho de 1938, em Hereford, Texas. Com o nome de Ronald Ely, ele fez sua estreia no cinema como figurante no musical “South Pacific”. Chegou na TV em 1959 com uma participação especial em um episódio de “Papai Sabe Tudo”. Depois vieram episódios de “Steve Canyon”, “Como Agarrar um Milionário” (série com base no filme, que teve Barbara Eden no lugar de Marilyn Monroe), “Wyatt Earp” e “Impacto”.

    Entre 1960 e 1961 ele estrelou “Os Aquanautas”, substituindo Keith Larsen. Na série, ele e Jeremy Slate interpretam uma dupla de mergulhadores que resgatam objetos e pessoas do fundo do mar. Apesar de ter apenas uma temporada, a série teve dois títulos. Quando os personagens se mudam para Malibu, a produção passou a ser chamada de “Malibu Run”.

    Depois de “Tarzan”, Ely entrou para o circuito de participações especiais. Esteve em “The Courtship of Eddie’s Father”, “Têmpera de Aço”, “Marcus Welby”, “A Mulher Maravilha”, “Hotel”, “Caixa Alta”, “O Barco do Amor’, “A Ilha da Fantasia”, “Blake’s Magic”, “Superboy”, “The Hat Squad”, “Nos Bastidores da Lei” e “Sheena”, seu último trabalho.

    Ely também fez participação em um episódio da primeira série de “Tarzan”, produzida na década de 1990, na qual interpreta um caçador que está atrás do homem macaco.

    Entre 1987 e 1988, estrelou a nova versão de “Aventura Submarina’”, que teve apenas 22 episódios. Ely interpretou Mike Nelson, personagem que tinha sido de Lloyd Bridges na década de 1950.

    O ator também foi o mestre de cerimônias dos concursos de Miss America, entre 1979 e 1981. Ao longo dos anos de 1970, Ely fez alguns filmes na Alemanha, mas a produção que mais marcou sua carreira, além de “Tarzan”, foi o filme “Doc Savage”, de 1975.

    Desde 2001 Ely está aposentado da carreira de ator. Prestes a fazer 73 anos, ele se dedica a escrever livros de mistérios. Como autor, iniciou sua carreira na década de 1990, publicando vários livros de mistérios, estrelados pelo personagem Jake Sands, detetive particular. O título mais recente foi publicado em 2010.

    O ator foi casado duas vezes. A primeira com Cathy Ely, entre 1959 e 1961. A segunda com Valerie Lundeen, com quem ainda está casado. Os dois tiveram três filhos, entre eles, Cameron Ely, jogador de futebol americano.

    Por curiosidade, o ator Fess Parker, falecido em 2010, que foi “Davy Crockett” e estrelou “Daniel Boone”, era o padrinho dos três filhos de Ely. Os dois se conheceram em um avião, na década de 1970. Sendo ambos do Texas e fãs de esportes, se tornaram grandes amigos. No funeral de Parker, Ely foi uma das pessoas que o homenageou.

Comentários

A preparar comentários...
  • portal aeiou.pt

    Chat Bla Bla

    mail grátis aeiou    zap aeiou

  • Área Pessoal